FANDOM


Ep1.jpg
Ep2.jpg
Ep3.jpg
Ep4.jpg
Ep5.jpg
Alunos de uma escola da rede municipal de Belo Horizonte e de instituições em Santa Luzia, na Região Metropolitana, tiveram o início das aulas adiado por causa de problemas de infraestrutura.  O atraso motivou um protesto de pais, alunos e professores na Escola Municipal Lucas Monteiro Machado, na Vila Pinho, na Região do Barreiro, na capital mineira.
Escolas.jpg

O ano letivo na instituição começaria no dia 04/02, mas a escola está fechada por causa da queda de parte da marquise em dezembro. Segundo a direção, a prefeitura quer que os 1.200 alunos estudem em uma faculdade, que fica há cerca de quatro quilômetros, até que as obras sejam concluídas. Os manifestantes são contra essa medida.

A comunidade alega ainda que a mudança prejudicaria, principalmente, os 300 alunos que estudam em período integral. De acordo com a Secretaria Municipal de Educação de Belo Horizonte, até o fim desta semana, a empresa responsável por retirar as marquises da escola vai informar o prazo para o término das obras.

Ainda segundo a secretaria, a intenção é que os alunos voltem direto para o local, sem ter que usar outras escolas. A secretaria informou também que o atraso não vai comprometer o ano letivo, já que as aulas serão repostas.

Charge-educacao-descaso.gif
Santa Luzia Na cidade da Região Metropolitana, a Prefeitura informou que as 26 instituições de ensino do município se encontram com problemas de infraestrutura, seis delas estão em pior estado. O início do ano letivo está programado para começar no dia 18 de fevereiro.

Uma das piores situações é na Escola Sueli Lima de Melo, no bairro Palmital, onde estudam cerca de 600 alunos, de seis a 14 anos. Bebedouros não funcionam. O banheiro alaga em dias de chuva. Há mato e restos de materiais de construção pelo caminho e a quadra está abandonada. A situação da cozinha também é precária.

A prefeitura informou que está tomando medidas paliativas e que as aulas serão repostas.

Podemos ver no site do IBGE alguns dados sobre a educação na capital. Percebemos que o maior número de matrículas está no ensino fundamental. Poucas pessoas completam o Ensino Médio,  e dessas menos ainda vão para o Ensino Superior.

Dicas educação.jpg
Todos podem e devem contribuir para a melhoria do sistema educacional do município, tanto os alunos, quanto os gestores administrativos e pedagógicos, e é claro, os pais. É só cada um fazer sua parte que no final todos saem ganhando.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória