FANDOM


Violencia0.jpg
V-bh.jpg
Por definição "Violência é um comportamento que causa intencionalmente dano ou intimidação moral a outra pessoa ou ser vivo. Tal comportamento pode invadir a autonomia, integridade física ou psicológica e até mesmo a vida de outro. É o uso excessivo de força, além do necessário ou espera

do.1 termo deriva do latim violencia (que por sua vez o amplo, é qualquer  comportamento ou conjunto de deriva de vis, força, vigor); aplicação de força, vigor, contra qualquer coisa." (Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Viol%C3%AAncia). Apesar de muitas vezes usar o termo violência apenas para quando estamos nos refirindo ao tipo físico, sofremos violência a vários instantes, mesmo sem percebermos. A violência também está na mudança dos seus hábitos, na intimidação (ex.: o bullying), isto é, quando você passa a agir de outro jeito por estar se sentindo intimidado. Podemos dizer que esse é um tipo de violência comum em BH, pois, quem nunca evitou sair a noite quando pode, com medo de ser assaltado,  até mesmo sofrer algum outro tipo de violência , sem ter a certea qe voltará para casa salvo. 

Violencia 4.jpg

Atualmente a  tecnologia virou arma contra bandidos. Pelo celular ou num simples botão, os motoristas de taxi pedem ajuda aos colegas e a uma central de monitoramento inédita no país, para evitar um desfecho trágico durante corridas suspeitas, acontecendo principalmente à noite. A quantidade de crimes é estimada pelo sindicato da categoria, que espera, em breve, uma reunião com os órgãos de segurança pública para cobrar providências para  prevenção, e acabar de vez com esse alto indíce de violência nas grandes cidades brasileiras . O governo do estado divulgou que estão tomando medidas para tentar frear o avanço da criminalidade em Minas Gerais e aumentar a sensação de segurança da população, que convivem  diariamente com a criminalidade , especialmente na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Entre as ações anunciadas pelo governador Antonio Anastasia, a principal é o aumento do policiamento ostensivo, com a criação de dois batalhões. Os novos grupamentos terão inicialmente 400 militares cada, todos vindos dos setores administrativo e de inteligência da PM. A corporação ainda tem condição de ceder outras 400 posições da administração para reforçar as unidades, chegando a 1,2 mil novos agentes nas ruas. O governador ressaltou que a tropa de alunos, entre sargentos e futuros tenentes, também vai para as ruas. São 400 militares que terão as aulas práticas em atividades reais, para ajudar a diminuir a escalada de crimes. Com isso poderá nos trazer mais segurança de ir e vir onde queremos , que nos dias não podemos mais pensar assim pois temos medo de não voltarmos para nossas casas com segurança.

V-bh 2.jpg

Para conter uma média de cinco assaltos por dia, os taxistas de Belo Horizonte se organizam para evitar o perigo. Outra área que é importante citar, é a área da guarda municipal onde os

próprios profissionais nao aguentam mais as condições e a falta de segurança em BH.

V-bh 4.jpg

Por estas e outras, muitas pessoas acabam ficando sem paciência e tentando fazer justiça com as próprias mãos, pois  atualmente a polícia  não consegue manter os cidadãos seguros. 

Exemplos disto são vistos em redes sociais como 

facebook e twitter para conseguir combater esse alto nível de crimidalidade em BH.

Há dez anos, quando a capital tinha um roubo a cada 14 minutos, o governo de minas colocou em prática um grande plano de combate à criminalidade. A medida funcionou por 5 anos e reduziu os índices naquele período. Depois, os crimes voltaram a subir. Em 2013, a cidade chegou a registrar 28.640 assaltos, prat

icamente um a cada 19 minutos, mais que em 2006, que teve 27.801.

Segurança.jpeg

O comerciante André Luiz Bastos,47 anos, é uma das vítimas desse crescente índice de violência. Ele está com uma bala alojada na coxa há duas semanas, mas a marca da violência sofrida não é apenas física. O trauma deixado nele e no pai, Jasílio Bastos, 81, será o mais difícil de conviver. A drogaria que eles têm no bairro Sion, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, foi assaltada por dois bandidos no último dia 3. Os criminosos fugiram e estão soltos.

Guarda municipal denuncia más condições de trabalho e falta de segurança TV Alterosa Belo Horizo05:40

Guarda municipal denuncia más condições de trabalho e falta de segurança TV Alterosa Belo Horizo

Guarda municipal denuncia más condições de trabalho e falta de segurança

O plano de segurança do estado não foi renovado nos úlimos anos, segundo Frederico Couto Marinho, pesquisador do Centro de Estudos de Criminalidade e Segurança Pública (Crisp). "Os investim

Taxa de homicídio nas capitais.jpg

Belo Horizonte em relação a outras capitais brasileiras na taxa de homicídios

entos forma basicam

ente de custeio. As políticas lançadas nao são mais eficientes, e não há cobrança por resultados. Não houve inovação em

 investigação, por exemplo", afima. Ainda segundo ele esse retrocesso é um cenário desolador, tendo em vista o fim do mandato do governo atual.

O plano do governo (lançado em 2004) foi 

pensado para chegar em 2014 com uma redução expressiva da violência. Em 2010 devia ter se realizado uma avaliação dos resultados. Mas a política de segurança caiu na inércia e os aperfeiçoamentos deixaram de ser feitos.

Segundo especialistas, programas primordiais como o Fica Vivo, desenvolvido em aglomerados para previnir a ocorrência de homicídios entre adolescentes, perderam força e investimento. A integração das 

Images (000.jpg

polícias Civil e Militar é outra ação que não estaria funicionando. O avanço da criminalidade em Minas Gerais é visível não só nos dados relativos à violência, que crescem a cada mês, como também no comportamento das pessoas. O medo invade casas e comércio, das regiões mais carentes das cidades às mais nobres. A maioria dos casos acontece na Grande Belo Horizonte, nas áreas das chamadas Regiões Integradas de Segurança Pública (Risps) 1, 2 e 3. Em apenas 40 municípios, ocorrem 59,67% dos crimes violentos de todo o Estado, que tem 853 cidades.São crimes que crescem de forma inversamente proporcional à capacidade das forças policiais – há um déficit de mais de dez mil militares e civis em Minas. E os investimentos devem começar a aparecer somente no primeiro trimestre do ano que vem, segundo afirmou na quarta-feira (22) o secretário de Defesa Social, Rômulo Ferraz. “Haverá melhorias estruturais das polícias Civil e Militar, com mais contingentes de homens”, disse. A expectativa é que, até 2014, ambas as corporações recebem R$ 411 milhões em investimentos. Desfalcada, a polícia tenta mobilizar a população contra a violência. No Belvedere, bairro da zona Sul da capital onde foram registrados três sequestros-relâmpagos em menos de 24 horas nesta semana, a PM convoca os moradores para uma ação conjunta que engloba operações e mais atenção nos pontos críticos.

Em relação aos homicídios de adolescentes e jovens, algumas cidades da Região Metropolitana mostraram índices maiores que quatro para cada grupo de mil jovens, estas são: Vespesiano,Betim,Contagem e Ibirité, enquanto Ribeirão das Neves, Santa Luzia e a capital Belo Horizonte, índices até três. Belo Horizonte apresentou IHA de 2,94, correspondendo a 728 mortes de adolescentes, antes de completarem 19 anos, caso as condições de violência letal não se modifiquem. A capital encontra-se na 15ª posição no ranking do IHA por capitais brasileiras.

Capturar.png


Marjorieoliveira102 (discussão) 22h17min de 14 de abril de 2014 (UTC)
20130415080228356394u.jpg

Esse gráfico mostra o índice de violência de algumas cidades do estado de Minas Gerais.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória