FANDOM


O programa Educação Para Todos é uma iniciativa da Unesco e começou em 2000, quando se estabeleceram as 6 metas anseadas para 2015:
Infográfico

Infográfico disponibilizado pela Unesco

  1. Ampliar e aperfeiçoar os cuidados e a educação para a primeira infância, especialmente no caso de crianças mais vulneráveis e em situação de maior carência;
  2. Assegurar que todas as crianças, particularmente as meninas, vivendo em circunstâncias difíceis e as pertencentes a minorias étnicas, tenham acesso ao ensino primário gratuito, obrigatório e de boa qualidade;
  3. Assegurar que sejam atendidas as necessidades de aprendizado de todos os jovens e adultos através de acesso equitativo a programas apropriados de aprendizagem e de treinamento para a vida;
  4. Alcançar uma melhoria de 50% nos níveis de alfabetização de adultos, especialmente no que se refere às mulheres, bem como acesso equitativo à educação básica e contínua para todos os adultos;
  5. Eliminar as disparidades de gênero no ensino primário e secundário, alcançando, em 2015, igualdade de gêneros na educação, visando principalmente garantir que as meninas tenham acesso pleno e igualitário, bem como bom desempenho no ensino primário e de boa qualidade;
  6. Melhorar todos os aspectos da qualidade da educação e assegurar a excelência de todos, de forma a que resultados de aprendizagem reconhecidos e mensuráveis sejam alcançados por todos, especialmente em alfabetização linguística e matemática e na capacitação essencial para a vida.

Desde então, a Unesco divulga anualmente relatórios globais do EPT. Em 2008 , foi questionado se os 164 países que assumiram esse compromisso atingiriam as metas e agora, no 11º relatório, divulgado dia 29/01/2014, o Brasil foi classificado com um dos 53 países que não alcançaram as metas, sequer estão pertos de concluir-las.

As melhorias que se observam no nosso país são a redução das taxas de analfabetismo entre jovens e adultos, a quase universalização do ensino fundamental, o aumento no acesso ao ensino superior e a maior proporção de faixa etária adequada em nosso ensino médio se -e somente se- comparada aos índices anteriores, tais como os de 1995 (menos da metade do números atuais).

Quando analisamos MG, visando essas metas, vemos que se o Brasil não tem condição de alcançá-las a tempo, nós muito menos. A taxa de analfabetismo no estado é assustadora, assim como os índices de evasão escolar e a baixíssima qualidade do nosso ensino público. O único dado tranquilizante é quanto as matrículas do ensino fundamental, cerca de 98% de nossas crianças estão na escola.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória